Setorial Metal Mecânico do Vale do Gravataí, Rio Grande do Sul, RS - indústria gaúcha NORTEADORES ESTRATÉGICOSTRABALHE CONOSCOHISTÓRICOS AGENDA ASSOCIADOSBENEFÍCIOS CONTATOS LINKS

Notícias

Indústria acelera compra de insumos importados

SemMegra

 Apesar da desvalorização cambial, a indústria continua acelerando a importação de matérias-primas e bens intermediários - não para aumentar a produção, mas para substituir o produto nacional. É o que se depreende do forte descompasso entre a produção industrial e a importação de matérias-primas e intermediários nos últimos meses. O volume de compras externas de bens intermediários acelerou no primeiro bimestre, com alta de 13,3% em relação a igual período de 2013. Nos 12 meses encerrados em fevereiro, o salto foi de 10,1%.

Um ritmo maior no volume de importação de intermediários costuma refletir forte produção industrial, mas a comparação dos números mostra divergência entre os indicadores. A crescente importação desses bens não condiz com a produção física da indústria, que cresceu apenas 1,16% em 2013, na comparação com o ano anterior. Nos 12 meses encerrados em janeiro, a elevação foi pequena, de 0,5%.

Para analistas de entidades como a Funcex e a Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB), os ritmos divergentes entre a produção industrial e o volume de importação de intermediários mostra que nesse tipo de bem ainda ocorre a substituição de produção doméstica por bens importados.

Para Daiane Santos, economista da Funcex, parte dos intermediários continua sendo comprada no exterior pela falta de oferta doméstica. Outra parte relevante ainda mantém preço competitivo em relação ao fabricado internamente, mesmo com a alta do dólar.

José Augusto de Castro, presidente da AEB, diz que tudo isso reflete a continuidade do processo de substituição da produção doméstica. "A desvalorização do real não é mais um processo novo e deveria já ter mostrado mais efeitos na importação." Ele lembra que a desvalorização cambial não ocorreu apenas no Brasil. Países que são importantes fornecedores também estão com a moeda desvalorizada, como a China.

Segundo dados da Funcex, os intermediários puxaram a queda de preços dos importados. O valor médio desses bens recuou 5,1% no acumulado até fevereiro, em relação ao mesmo período do ano passado. Na mesma comparação, a redução de preço médio do total dos importados foi de 2,6%.

 

Fonte: Valor Econômico - 31/03/2014

 

 

Listrar todas as notícias

 




Login

Senha


Esqueceu ou não tem senha? Clique aqui.





O SEMMEGRA realiza seus encontros quinzenais na sede da ACIGRA – Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Gravataí. Estas reuniões são abertas apenas para os associados, onde são apresentadas as necessidades, realizado o planejamento e deliberadas ações para o setorial.


Acessos desde maio/2010: 401160

Setorial Metal Mecânico do Vale do Gravataí (c) 2010
msmidia.com